Livre das “pragas” … Extra, Extra, Extra!

Qualquer plantinha, por mais insignificante que seja, tem uma função ecológica.

Li esta afirmação num encarte de uma revista há muitos anos. Não me lembro do nome da revista.

Realmente, as flores das plantinhas alimentam abelhas, que polinizam.  Gafanhotos se alimentam de folhas frescas e são comidos por aves … formando uma incrível cadeia, alimentando o ciclo da vida.

Uma plantinha, por mais insignificante que seja, captura carbono é fabrica oxigênio.

Lembro-me bem da informação que justificava o encarte: uma empresa fora condenada por crime ambiental. Entre as condenações, estava a  obrigação de pagar a publicação semanal do encarte contendo informações socioambientais.

Lembrei-me deste episódio hoje. Eu explico. A caminho do trabalho passo por um hipermercado cercado por grades aos fundos. Muitas plantinhas cresceram e floriram por lá. Planejei fotografa-las,  até que consegui um tempinho …

… foi no dia de domingo.

Passei alguns minutos fotografando as flores.

Hoje, dois dias depois, as grades estavam livres das” pragas”.

Texto e fotografias: Terezinha Souto em Aqui Onde Eu Moro.

Anúncios
Esse post foi publicado em BIODIVERSIDADE e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Aqui Onde Eu Moro

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s