Mobilidade urbana

Dia mundial do meio ambiente. O que tínhamos a comemorar?

No dia mundial do meio ambiente de 2013 tive oportunidade de transitar pelo meio rural e urbano de um Município do Norte de Minas Gerais, aqui no Brasil.

Encantei-me ao ver a riqueza da população de Aroeiras, a abundância de Paus Preto e outras espécies.

https://aquiondeeumoro.wordpress.com/2013/06/05/a-procura-do-caminho/

Ao contrário, no meio urbano, a situação ambiental é caótica em termos de mobilidade, acessibilidade e de ocupação territorial. A Cidade é um risco potencial, especialmente para crianças e idosos devido à quantidade dos obstáculos encontrados nas vias públicas. Confira nas imagens:

 Falta continuidade da linha plana no passeio. Na foto, o pé da transeunte fica no ar. Imaginem se fosse uma velhinha ou uma criança? O chão seria o limite.

A foto ao lado mostra a falta de conservação do passeio.

  As construções invadem o espaço destinado ao passeio.  

 A atividade de construção, além de ocupar todo o passeio, não adota nenhum tapume para evitar que algum material atinja ao transeunte.

A “liberdade” de construir permite que o morador construa o passeio segundo seu ideal de arquitetura. Observa-se na foto ao lado, a descontinuidade de nível do passeio que, para o passante desatento, pode ser um caminho fácil para o hospital.

         

      

 Na foto acima à direita, o ar condicionado jorra água no passante, que  nem imagina que tal líquido pode ser um contaminante.

      

 Um armário de loja é colocado no passeio (foto esquerda), enquanto que a calçada que deveria garantir a acessibilidade de pessoas portadoras de deficiência visual, é interrompida por uma rede de esgoto.

A mobilidade é um fator muito importante para o desenvolvimento urbano. Ela começa na porta da nossa casa. Ela só tem efetividade quando participamos na formulação de políticas públicas.

Precisamos dizer não a  Gestores Públicos populistas que tratam as pessoas como se fossem incapazes de decidir seu próprio destino. Um Governo só pode ser considerado bom e democrático quando promove e respeita a participação popular, com plena transparência. O resto é pura demagogia, promoção pessoal com o uso do dinheiro público .

Quanto a Nós, não basta ser eleitor. É preciso aprender participar e decidir. Afinal, o prefeito, o vice e vereadores não são nada mais além que servidores do público muito bem remunerado.

Anúncios
Galeria | Esse post foi publicado em FOTORREPORTAGENS e marcado . Guardar link permanente.

Aqui Onde Eu Moro

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s